Review | Chewing Gum [Season 2]

Tracey volta à sua tela e traz muito mais aventuras que você imagina. “…Eu tenho que ver a Beyoncé agora… é, eu sei voar” Michaela Coel, atriz que interpreta Tracey, volta para a segunda temporada de Chewing Gum convencida que pode realmente nos fazer rir com a inocência virginal de sua personagem. E ELA ESTÁ …

Review Overview

Nota Geral

4,5

User Rating: Be the first one !
90

Tracey volta à sua tela e traz muito mais aventuras que você imagina.

“…Eu tenho que ver a Beyoncé agora… é, eu sei voar”

Michaela Coel, atriz que interpreta Tracey, volta para a segunda temporada de Chewing Gum convencida que pode realmente nos fazer rir com a inocência virginal de sua personagem. E ELA ESTÁ CERTA!

6fba270f-78be-4201-a849-440ecf106000[1]

Tracey estreia a segunda temporada na missão de tentar voltar para casa, após ser expulsa por sua mãe por namorar um homem branco e não religioso. Quando moram juntos num lar para desabrigados, Tracey e seu namorado Connor (Robert Lansdale) terminam após eventos constrangedores que a nossa querida e imaculada jovem prefere não lembrar.

Ainda na sua luta pela perda de sua virgindade quase que invencível, Tracey se enfia em mais mancadas, agora acompanhada de sua irmã Cynthia que deseja também iniciar sua vida sexual. 6 episódios de 20 minutos cada que continuam uma saga divertida e nada sensual da vida de uma garota cristã e virgem na busca pelo prazer da carne!

08chewinggum2-master675[1]

A Netflix nos presenteia com essa comédia levemente suja. Michaela Coel, que iniciou a vida de Tracey ainda nos teatros antes de ir à TV, realmente nos faz acreditar que Tracey escolhe os caminhos que nem sempre dão certo. Apesar da série insistir em manter a protagonista como uma frenética que deseja perder a virgindade, em nenhum momento, as cenas tornam-se chatas e monótonas, o timing do humor de Tracey é perfeito e suas piadas te levam à gargalhada, mesmo que a primeira temporada seja ainda mais divertida.

Com plot twists engraçados e bem, mais bem planejados, Chewing Gum se consagra como uma série rápida e viciante, faz você desejar mais do que tem, e se contentar com o que já viu, pois é possível ver várias vezes sem cansar e não perder a graça.

chewinggum

Chewing Gum é indestrutível, assim como o hímen da Tracey.

 

O que achou?

Comentários

About Igor Duque

Igor Duque
Autor, apaixonado pela cultura nerd, gamer, e também um potterhead tão doido que fez uma tatuagem. supervisor de críticas na Host Geek 20 anos, recifense e universitário. Um fruto de tudo que me ofereceram, e isso foi apenas o começo.
Host Geek. 2014.