Crítica | Transformers: O Último Cavaleiro (Transformers: The Last Knight)

Os humanos estão em guerra com os Transformers, que precisam se esconder na medida do possível. Cade Yeager  é um de seus protetores, liderando um núcleo de resistência situado em um ferro-velho. É lá que conhece Izabella , uma garota de 15 anos que luta para proteger um pequeno robô defeituoso. Paralelamente, Optimus Prime viaja …

Review Overview

Nota Geral

1,5

User Rating: Be the first one !
30

Os humanos estão em guerra com os Transformers, que precisam se esconder na medida do possível. Cade Yeager  é um de seus protetores, liderando um núcleo de resistência situado em um ferro-velho. É lá que conhece Izabella , uma garota de 15 anos que luta para proteger um pequeno robô defeituoso. Paralelamente, Optimus Prime viaja pelo universo rumo a Cybertron, seu planeta-natal, de forma a entender o porquê dele ter sido destruído. Só que, na Terra, Megatron se prepara para um novo retorno, mais uma vez disposto a tornar os Decepticons os novos soberanos do planeta.

transformers5

Escrever uma crítica para Transformers 5 – O Último Cavaleiro é uma tarefa bem simples para os críticos de cinema. Eles só precisam pegar os mesmo textos que utilizaram para os últimos quatro filmes da saga e apenas mudar o título do longa. A verdade é que a série de filmes dirigidos por Michael Bay sofre com uma terrível e escandalosa uniformidade de cenas, diálogos, dilemas e explosões que vão cansando e desgastando o público ao longo dos anos.

A verdade é que apesar da queda nos números nas bilheterias, a franquia segue fazendo bons números, e por isso mesmo, os planos dos estúdios da Paramount é seguir produzindo longas e até mesmo histórias derivadas dos personagens apresentados ao longo de todos esses anos desde a estreia do primeiro filme no cinema.

449435.700xp

A verdade é que Michael Bay até tenta colocar um gás novo na franquia apresentando novos personagens como a simpática mocinha interpretada pela atriz Isabela Moner, assim como novos robôs. Contudo, com o decorrer dos acontecimentos, tudo acaba retornando para a “mesmice” dos projetos anteriores.

A verdade é que em 2017, Velozes e Furiosos 8 mostrou ao mundo que mesmo uma franquia com tantos filmes pode se reinventar, extrapolar os limites da ação e agradar um novo público. Até mesmo nesse mês de julho temos a estreia de Ritmo de Fuga, longa de ação que revela novos jeitos de contar uma história do gênero, contudo, Transformers não tira 5 minutos para tentar apresentar algo novo para seu público.

 

O que achou?

Comentários

About Victor Noblat

Victor Noblat
Comentarista esportivo, viciado em filmes e séries. "Um Homem que não se dedica a família não é um homem de verdade" CORLEONE. Vito
Host Geek. 2014.